Alimentos para Evitar o Câncer

0

Os alimentos ricos em antioxidantes, como frutas cítricas, brócolis e cerais integrais, por exemplo, são excelentes alimentos para evitar o câncer porque essas substâncias ajudam a proteger as células do organismo da degeneração, reduzindo também a velocidade de envelhecimento celular e oxidação, evitando assim que as células de todo o corpo sofram alterações que facilitam o aparecimento de câncer.

Como usar os alimentos para evitar o câncer

As 5 dicas simples para usar os alimentos para evitar o câncer são:

  1. Beber todos os dias um suco de frutas e legumes, como suco de tomate com laranja;
  2. Colocar sementes, como as de girassol ou de chia, nas saladas e sucos;
  3. Comer granola com frutas secas no café da manhã;
  4. Temperar os alimentos com alho e limão;
  5. Comer pelo menos 3 legumes diferentes ao almoço e jantar.

Para evitar o câncer, é importante também que se evite o consumo de alimentos refinados, ricos em açúcar ou gorduras, especialmente aquelas do tipo saturadas, como as que estão presentes na picanha, por exemplo.

Alimentos para evitar o câncer

Alguns alimentos para evitar o câncer podem ser:

  • Chicória, tomate, cenoura, abóbora, espinafre, beterraba;
  • Frutas cítricas, uvas vermelhas, damasco, manga, mamão, romã;
  • Alho, cebola, brócolis, couve-flor;
  • Sementes de girassol, avelã, amendoim, castanha-do-pará;
  • Cereais integrais;
  • Azeite, óleo de canola;
  • Salmão, sardinha, atum, sementes de chia.

Além de fazer uma alimentação rica nesses alimentos comendo pelo menos 5 vezes ao dia frutas e legumes, é necessário também manter o peso corporal controlado e dentro do ideal para a altura e idade.

Dicas para evitar o desenvolvimento de câncer

Manter o peso constante comendo o mínimo necessário para manter o bom funcionamento do organismo, reduzindo oxidação, ajuda a prevenir o câncer. Um dos maiores motivos para que isso aconteça é porque as toxinas se acumulam dentro do tecido adiposo e, ao emagrecer e engordar repetidas vezes, lança-se toxinas para o corpo e isso pode ajudar no desenvolvimento de câncer.

Optar pelo consumo de alimentos de cultivo orgânico, sem o uso de agrotóxicos ou adubos químicos que tem efeitos acumulativos no organismo, pode ser outra excelente estratégia para quem quer fazer alguma coisa para tentar evitar desenvolvimento de qualquer tipo de câncer, especialmente quando existe histórico de câncer na família.

Além disso, é muito importante não fumar, mesmo que passivamente, não utilizar muitos medicamentos e não consumir bebidas alcoólicas regularmente. Estas são atitudes que devem ser adotadas para um estilo de vida livre de câncer ou outras doenças degenerativas.

Dicas de alimentação durante o tratamento do câncer

As dicas de alimentação durante o tratamento são sugestões práticas para lidar com os efeitos colaterais do tratamento para o câncer. De acordo com o efeito colateral, a dica de alimentação vai variar:

  • Perda de apetite – experimentar receitas novas e comer com frequência durante o dia, mesmo na hora de dormir. Ter sempre um lanche sadio à mão. Se de hora em hora der umas mordidas no alimento correto ou uns goles no líquido apropriado, pode-se obter proteínas e calorias com mais facilidade.
  • Dor na boca ou na garganta – dar preferência a alimentos fáceis de mastigar e engolir, como banana, purê de frutas e legumes ou ovos mexidos, por exemplo, e evitar alimentos como frutas cítricas, alimentos muito condimentados e salgados ou com texturas duras.
  • Mudança nas sensações de olfato e paladar – melhorar o aroma da carne ou peixe deixando-o de molho em sucos doces de frutas, vinho doce, molho de vinagre ou agridoce e tentar usar uma pequena quantidade de ervas aromatizantes, como manjericão, orégano ou alecrim.
  • Secura da boca – usar molhos de vários tipos para umedecer os alimentos e facilitar a deglutição, assim como tomar um gole de água de tempos em tempos para facilitar a deglutição e a conversação.
  • Náusea – comer pequenas quantidades, com frequência e devagar. Evitar comer em locais abafados, quentes ou que tenham cheiro de cozinha que possa ser repugnante. Se a náusea se manifestar durante a manhã, pode-se tentar comer torrada seca ou biscoitos de água e sal antes de levantar.
  • Vômito – uma vez controlado o vômito, tente beber uma pequena quantidade de líquido, começando com uma colher de chá a cada dez minutos, passar para uma colher de sopa a cada vinte minutos e, finalmente, para duas colheres de sopa a cada trinta minutos. Quando se for capaz de manter os líquidos no estômago, experimente fazer uma dieta leve continuando a tomar pequenas porções à medida que vai conseguindo manter o líquido no estômago. Quando se sentir bem com a dieta leve, passar gradualmente para o regime alimentar normal.
  • Diarreia – beber muito líquido durante o dia. Pode-se fazer caldos de carne e sopas. Diminuir a quantidade de alimentos e bebidas que contenham cafeína, como o café, o chá preto, alguns refrigerantes e chocolate.
  • Prisão de ventre – beber muito líquido: pelo menos oito copos de 240 ml por dia, o que ajuda a manter a consistência apropriada das fezes. Comer alimentos fibrosos, como pão e cereais integral, frutas frescas com casca e verduras.
  • Retenção de líquidos – diminuir a ingestão de sal.
  • Cáries – diminuir a ingestão de açúcar e evitar ingerir alimentos que grudem nos dentes, tais como caramelo ou balas.
você pode gostar também
Comentários
Carregando...